O marajazeiro é uma palmeira nativa da Amazônia, muito encontrada nos igapós, margens de rios e igarapés, em locais de meia sombra e alagados.

     Esta planta apresenta-se em monocaule (solitário) ou com 2 ou 3 caules, sendo de pequeno porte, com o estipe espinhoso, chegando normalmente a 3 metros de altura, tendo como média de diâmetro de tronco 8 cm.

     As folhas da marajá são pinadas (como penas), podem ultrapassar 3 metros de comprimento e permanecem cobertas de espinhos.

     As inflorescências em forma de cachos possuem flores castanhas avermelhadas unissexuais, intercalando masculinas e femininas.

      Os frutos que são drupas elipsoide, medem aproximadamente de 2 x 1,5 cm, estão  cobertos de casca dura, como pequenos cocos, que tornam-se vermelhos alaranjados quando maduros. Formam bonitos cachos coloridos. Sua polpa é rala de cor branca rosada, no sabor agridoce e envolve uma única semente.

     A propagação do marajazeiro é feita por sementes.

     As sementes desta palmeira são utilizadas na fabricação de artesanatos e sua polpa é consumida ao natural ou na confecção de licor.

ARECACEAE - Bactris acanthocarpa

MARAJÁ - MARAJAZEIRO

     Drupa: tipo de fruto que contém uma semente, a qual só desgruda do caroço de forma mecânica.

CLIQUE AQUI! COMPRE NOSSO E-BOOK!
VENDA DISPONÍVEL NA AMAZON.COM
COLEÇÃO: AMAZÔNIA, O MUNDO DAS MULHERES DO NORTE

WAWATU DA AMAZÔNIA 

 

      Na Amazônia, do século XIX, devido à cobiça pela borracha, Wawatu, cunhatã do clã Aruak, tem sua aldeia dizimada por brancos. Apesar de ser forçada a viajar para um local desconhecido, casar-se com guerreiro de origem Karib e sofrer com as diferenças de costumes de seus familiares, ela se apaixona.

MAIS DE 100 PÁGINAS DE PURA EMOÇÃO!

QUER GANHAR 24 E-BOOKS GRÁTIS E CONCORRER A PRÊMIOS MENSAIS?

DIGITE E-MAIL, CLIQUE EM ENVIAR E RECEBA DE 15 EM 15 DIAS UM E-BOOK...

Livro "No Mundo das

Mulheres do Norte"

+

Frete Grátis = R$ 49,90

Clique Aqui!

Compre Agora!